top of page

Último poema – poesia


Paul Klee ©



Tudo que não consegui salvar


O primeiro dia de aula

os outros dias

a escola

e todas as escolas

foram sete.

as eleições

os cachorros

o almoço do meu aniversário de 18 anos que papai salgou

meus 18 anos

as casas demolidas

a casa do bicheiro

que era a minha favorita

as calçadas de grama

as últimas lâmpadas amarelas do meu bairro

meu bairro.

a cidade de onde vim

os negócios de família

o coleguismo que não cultivei

os ex-casais amigos

as separações

os divórcios

vovô no Réveillon de 97

a caneca que a vizinha me deu

o mIRC

o bonde da Cantareira que eu nunca andei

as ferrovias

o vestibular

o Nauru que todo mundo usava

menos eu

a Dilma.

Frei Tito

Claudinho

Robin Williams


o pingente de ouro que eu mordi por impulso

[de coração oco

o instante em que me arrependi

e todos os outros impulsos

[que não seguro porque é impulso

meu CPF

o concurso público

o abrigo de menores

os menores,

nossos pais

a infância

a vida adulta dela

ela




Último poema


Por que ir embora de você

se eu sei que o fim

é certo pra nós dois


Por que ir embora de você

se é de mim que eu fujo

e é comigo que desejo acordar

todos os dias


Por que ir embora de você

se o que perdi é o preço que pago

por ter alguém com quem declarar o Imposto de Renda


Por que ir embora de você

se o que eu quero

é ainda mais de nós


Por que então ir embora

se o que espanta

é ver alguém amando o que já tem

e se te amando é que percebo:

há mais Carl Bruner no mundo

do que Sam Wheat

Ainda que te amar seja te procurar

nas entrelinhas dos dias de semana

e só te encontrar aos sábados

porque só quem ama sabe o peso de uma segunda-feira

ou porque amar

é por na balança

o fim do mundo

e o Big Bang





Eduarda Vidal nasceu em Niterói/RJ, em 8 abril de 1989. Psicóloga que trabalha com Publicidade há 10 anos, com especialização em Cinema e Imagens Contemporâneas. Apelidos de infância: Wandinha Addams e Carrie, a estranha. Escreve poesia por dignidade, já que o trabalho – com marketing – tira quase toda. Em 2019, publicou o livro Subestimados, poesia e jiló (editora Patuá).

50 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Couldn’t Load Comments
It looks like there was a technical problem. Try reconnecting or refreshing the page.
Post: Blog2_Post
bottom of page